You are here
Home > Geral > Calor no Piauí faz 7 jogadoras desmaiarem durante partida

Calor no Piauí faz 7 jogadoras desmaiarem durante partida

jogadoras4

Altas temperaturas – que chegam a 42 °C – em Teresina, no Piauí, estão causando transtornos não só para o teresinense, mas para os atletas que chegam de fora. Na tarde de ontem, quarta-feira (23), sete jogadoras do Maranhão desmaiaram em campo, por causa do forte calor no Estádio Albertão. Cinco delas deram entrada no Hospital de Urgência de Teresina (HUT) com diagnóstico de desidratação.

O jogo começou às 15h sob sol forte entre o Tiradentes, do Piauí, contra o Viana, do Maranhão, pelo Grupo 4 do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. Logo após sete minutos de jogo, a primeira atleta a passar mal foi a goleira. Ela vomitou em campo, foi socorrida por uma ambulância e levada para o Hospital de Urgência de Teresina.

Após o desmaio da goleira, o clima ficou preocupante e as jogadoras eram socorridas pelas colegas. O jogo foi encerrado antes dos 90 minutos. No final, o placar ficou 10  a 0 para o Tiradentes. A derrota não fez diferença para o Viana, já que o time já havia sido eliminado.

O técnico interino do Viana, Marcos André Fonseca, 33 anos, desabafou ao falar que era “humanamente impossível” o jogo às 15h, no Albertão. Ele confirmou que o clube irá fazer uma queixa para a Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

“Uma das nossas goleiras teve ânsia de vômito e dificuldade até de respirar. Sua pressão foi a 18. É desumano”, disse.

O técnico admitiu que as jogadoras de São Luis têm costumes com altas temperaturas, mas o clima de Teresina estava muito seco. Ele contou que mês passado, duas atletas passaram mal no jogo que disputou em Fortaleza, no Ceará.

“Vamos fazer uma reclamação a CBF, mas a nossa preocupação agora é com a recuperação das jogadoras”.

A assessoria do HUT confirmou que das sete jovens, cinco delas deram entrada no hospital com diagnóstico de desidratação e não há risco de morte.

A Federação de Futebol do Piauí divulgou nota sobre o episódio. Veja na íntegra:

“Já prevendo as dificuldades de uma partida de futebol realizada às 15h, a Federação de Futebol do Piauí solicitou à CBF, no dia 20 de setembro, a alteração no jogo para as 19h. A Confederação, no entanto, manteve o horário alegando que, por se tratar da última rodada da fase classificatória do Campeonato Brasileiro Feminino, todos os jogos deveriam acontecer em horários concomitantes no país. A FFP se preocupa com o estado de saúde das atletas, mas indica que vale verificar as condições em que as jogadoras do Viana entraram em campo – como horário de alimentação, por exemplo, visto que, nenhuma jogadora do Tiradentes, nosso representante, sofreu alguma adversidade. Apesar da situação, a Federação parabeniza o representante piauiense pela expressiva vitória, que garantiu ao Tiradentes a classificação para a próxima fase do campeonato como líder do grupo ao aplicar a segunda maior goleada da competição até aqui”.

Deixe uma resposta

Top