You are here
Home > Geral > MS: Detentos poderão fabricar cadeiras de rodas a partir de sucatas de bicicletas

MS: Detentos poderão fabricar cadeiras de rodas a partir de sucatas de bicicletas

cadeiraderodasww

A Agepen/MS (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul) tem planos de transformar detentos do Estado em mão de obra para fabricação de cadeiras de rodas. A motivação foi a Lei Estadual nº 4.095, de 13 de outubro de 2011, que permite a utilização de bicicletas apreendidas em delegacias de polícia para produzi-las. De autoria dos deputados estaduais Zé Teixeira e Marquinhos Trad, a Lei pode ser uma saída para a ressocialização de presos em Mato Grosso do Sul. A iniciativa foi proposta pelo deputado Zé Teixeira ao diretor presidente da Agepen, Ailton Stropa Garcia. Segundo ele, há projeto em andamento na unidade de Corumbá e projetos em desenvolvimento nas unidades de Jardim e Paranaíba. Para Zé Teixeira, esses projetos precisam ser ampliados imediatamente, alcançando outras unidades. “Me prontifico a intermediar ações entre a Agepen e órgãos do Governo Estadual, para vencer todas as barreiras e possibilitar que haja fabricação de cadeiras de rodas em quantidade suficiente para atender a demanda de todas as cidades de Mato Grosso do Sul”, ressaltou. Para Stropa, as bicicletas existem e são disponibilizadas através da lei e a mão de obra prisional permite que sua transformação em cadeiras de roda ocorra. A grande dificuldade, segundo o diretor, é conseguir os barracões de trabalho e os maquinários para a instalação das fábricas. Segundo Gilson Martins, diretor de Assistência Penitenciária da autarquia, é objetivo do sistema ampliar ao máximo os postos de trabalho, principalmente no regime fechado e “a fabricação de cadeiras de rodas é um excelente começo para que vençamos esse desafio”.

Deixe uma resposta

Top