You are here
Home > Geral > MS: Governo vai pagar R$ 20 milhões por manutenção de rodovias

MS: Governo vai pagar R$ 20 milhões por manutenção de rodovias

download

Mais dois contratos para restauração asfáltica de rodovias de Mato Grosso do Sul foram firmados pelo governo estadual, conforme publicado no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira (17). Os dois convênios juntos somam R$ 20.042.015,00.

Um dos convênios é para a manutenção e conservação das rodovias que fazem parte da malha rodoviária na região de Maracaju, município distante 162 quilômetros de Campo Grande, nas estradas da 13a residência regional. O convênio foi firmado com a Gradual Engenharia e Consultoria Ltda., pelo preço de R$ 9,992,837,64.

Já o segundo extrato publicado hoje traz a contratação da Empresa Pactual Construções Ltda. para a restauração das rodovias próximas do município de Costa Rica, distante 384 quilômetros da Capital, na 14ª Residência Regional. O valor global deste convênio é de R$ 10.049.178,52, conforme detalha a publicação.

As duas empresas têm 365 dias para execução das obras, prazo que será contado a partir da data de ordem de serviço, que será expedida pela Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos).

Empresas contratadas

O governo do MS assinou um total de R$ 155 milhões em contratos com 17 empreiteiras que tocarão obras em rodovias estaduais. Entre as contratadas está a LD Construções, uma das investigadas na Operação Lama Asfáltica.

As empresas vencedoras das licitações foram: Usimix, para a região de Rio Negro; Construtora Vale Velho, região de Bela Vista; Sete Engenharia Eirelli, nas rodovias da regional de Camapuã; Pactual Construção, em Costa Rica; Gradual Engenharia e Consultoria, em Maracaju; C.G. 2000, região de Jardim; Juha Engenharia, em Amambai; GMB Engenharia, em Coxim; Terrasat Engenharia e Agrimensua Eirelli, na região de Nova Andradina; R. R. Ceni, Corumbá; Campoterra Construtora, Naviraí e Miranda; Avance Construtora Eirelli, em Paranaíba; Galassi Engenharia, Ponta Porã; Engenharia e Comércio Bandeirantes, Três Lagoas; LD Construções, região B de Dourados; H.L. Construtora, Dourados A e Transenge Engenharia, em Campo Grande.

Deixe uma resposta

Top